sábado, 10 de maio de 2014

Musicoterapia

Vamos falar um pouco de comportamento.
Você sabia que a música tem sido cada vez mais utilizada em diversos tratamentos de saúde?
É a musicoterapia!
A musicoterapia tem a intenção de promover a qualidade de vida, esta ciência estuda a relação do indivíduo com o som e ela influencia em diversas áreas, como didática, medicina, cura, psicoterapia, recreação,etc.
Os musicoterapeutas afirmam que o som, o ritmo, a harmonia e a melodia, promovem mudanças no indivíduo influenciando suas capacidades mentais, afetivas, sensoriais e motoras, tudo isso por meio de tratamentos e reabilitação por elementos sonoro-musicais.
A musicoterapia se utiliza da música e dos recursos não verbais em forma de experiência sonora para promover a comunicação, relação, aprendizagem, organização e relação.
Os musicoterapeutas dizem que não é preciso saber tocar nenhum instrumento, o próprio profissional irá adequar o tratamento e os objetivos de acordo com cada paciente.
A música ajuda muito no desenvolvimento de alunos em sala de aula, para crianças pequenas onde a prioridade é o desenvolvimento da audição, da linguagem oral e da socialização.
Através dela a criança aprende a se expressar e pensar no seu cotidiano desenvolvendo concentração. coordenação motora, respeito e disciplina pessoal.
No caso da área de saúde, pessoas que fizeram tratamentos como câncer e estavam fazendo musicoterapia estão mais aptos a tolerar os efeitos colaterais.
Já as futuras mamães com musicoterapia ficam mais calmas e relaxadas.
Os profissionais que trabalham com arte como escritores, atores, músicos também melhoraram seus relacionamentos, porque trabalhar com arte é mexer constantemente com emoção.






Postar um comentário